Comprova: uma coalizão para combater o conteúdo enganoso online durante as eleições

Em outubro, 138 milhões de brasileiros vão às urnas para eleger o próximo presidente do maior país da América Latina. Nos últimos anos, trabalhamos junto de empresas de jornalismo ao redor do mundo com iniciativas como Electionland nos Estados Unidos, Verificado no México, e CrossCheck na França para ajudar a combater notícias enganosas durante as campanhas eleitorais.

No Brasil, estamos expandindo esse trabalho com o lançamento do Comprova, um esforço jornalístico colaborativo para verificar a autenticidade do conteúdo que é compartilhado na web relacionado à campanha presidencial. A iniciativa é uma colaboração do First Draft, um projeto no Centro Shorenstein na Escola Kennedy de Harvard, Abraji (Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo), Projor (Instituto para o Desenvolvimento do Jornalismo), Associação Nacional de Jornais, e 24 organizações jornalísticas. O projeto é fundamental dentro do escopo da Google News Initiative, que trabalha com redações do mundo todo para elevar a qualidade do jornalismo e combater o conteúdo enganoso.
E porque os brasileiros são ávidos consumidores de notícias nas redes sociais e na busca, principalmente usando smartphones, o Comprova vai se concentrar em conteúdo enganoso que circula nos dispositivos móveis.

Os brasileiros poderão usar seus smartphones para enviar sugestões sobre boatos e histórias que eles gostariam que fossem verificadas pela coalizão — e também se inscreverem para receber notificações quando novas análises forem publicadas.

A First Draft desenvolveu recursos tecnológicos novos especificamente para este projeto para que os jornalistas possam monitorar as redes de conteúdo enganoso e colaborar online em tempo real em todo o território nacional. As organizações vão produzir recursos visuais compartilháveis para informar suas audiências sobre a autenticidade dos boatos, como pequenos vídeos e fotos feitas especialmente para celulares. O conteúdo também será publicado no site do Comprova e das organizações parceiras.
A coalizão é liderada pela Abraji e também reúne recursos e especialidades do Google e de outras plataformas de tecnologia, como o Twitter, Facebook, NewsWhip — e também de associações e organizações de notícia de todo o Brasil. O grupo compartilha de um objetivo comum — contribuir para que os brasileiros tenham acesso a informações de qualidade quando forem votar em outubro. Você pode seguir o Comprova acessando o próprio site da coalizão, ou os perfis no YouTube, no Twitter e no Facebook.
A eleição ocorrerá apenas mais para o fim do ano, mas ainda há muito o que fazer até lá. Para mais informações sobre a Google News Initiative, incluindo treinamento, dados e ferramentas para jornalistas, visite g.co/newsinitiative.
Postado por Marco Túlio Pires, Coordenador do Google News Lab no Brasil 

Powered by WPeMatico